Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Imagem padrão blog

Boletim GEDAI novembro de 2018

Em sua última edição de 2018, o Boletim GEDAI traz 5 publicações de seus pesquisadores que, prezando tanto pela atualidade quanto pela qualidade dos temas apresentados, merecem toda a atenção da comunidade acadêmica.

Os pesquisadores Rodrigo José Serbena Glasmeyer e Roberto Pompeo,  se debruçam sobre uma das maiores fontes de divulgação de audiovisual no mundo digital, o Youtube, fazendo uma análise do sistema automatizado de verificação de direitos autorais na referida plataforma.

Ao tratar da Universalização do Conhecimentocom exemplos e considerações teóricas, os acadêmicos Alice de Perdigão Lana e Osny Buzzo Jr., abordam os trabalhos de Aaron Swartz, Jack Andraka, Sebastian Trhun e Paulo Coelho. Abordam também com muita propriedade o tema dos Recursos Educacionais Abertos como meio da universalização do conhecimento e que está intimamente ligado aos hodiernos recursos tecnológicos.

Entender o processo que vem antes mesmo da concepção da criação artística, esta é a proposta inicial dos pesquisadores Bibiana Biscaia Virtuoso e Igor Halter Andrade. Tendo como título: Minotauro no labirinto de espelhos: a inspiração artística e os direitos autorais no século XXI, o trabalho faz um profícuo debate sob o uso das fontes de inspiração, que um autor, ao dar forma a uma nova obra, vai buscar. Os autores, não se limitaram à referencias conceituais, problematizando também o aspecto jurídico da discussão, fazendo deste, outro texto de leitura inadiável deste Boletim.

Já o acadêmico João Marcos Hodecker Almeida, que no Boletim anterior havia escrito, em colaboração com o Rangel Oliveira Trindade, sobre Memes e web archiving; na presente edição explora o tema: música, plágio e direito. Cita exemplos de artistas da atualidade que já enfrentaram problemas com questões relacionadas ao plágio, apresenta uma breve pesquisa histórica onde se observa que o plágio nem sempre foi um “vilão” para a produção artística, apresenta um rol de aspectos para se reconhecer uma música copiada e traz ao palco conceitos trabalhados por Iyvar Stav, autor entre outros do brilhante artigo: Musical Plagiarism: A True Challenge for the Copyright Law.

Com um texto de apurado rigor técnico e extremamente didático, os pesquisadores Rodrigo Vieira Costa e Ana Paula da Silva Liberalino, apresentam os Smart Contracts: a revolução digital dos contratos. Exímia referência para todos que querem ter uma primeira aproximação com o tema. Os autores, de forma simples e com alguns exemplos, entregam ao leitor os conceitos iniciais deste que é, sem dúvida alguma, um dos temas mais atuais do Direito e que inequivocamente, terá grande repercussão na prática forense.

A produção deste Boletim, assim como todas as publicações do GEDAI, são frutos do empenho, trabalho e muita pesquisa dos seus integrantes que, pela qualidade da produção e compromisso acadêmico, merecem ser compartilhadas em redes sociais, blogs e outros meios. O GEDAI agradece a força de todos Vocês, May the Force be with you !

Editor Coordenador:

 Marcos Wachowicz

Editores:

 Heloisa Medeiros

Liz Beatriz Sass

Lukas Ruthes Gonçalves

Rodrigo Otávio Cruz e Silva

Rodrigo Vieira

Ruy Figueiredo de Almeida Barros

Assistentes de Editoração: 

Bibiana Biscaia Virtuoso

Marcelle Cortiano

Deixe uma resposta

Fechar Menu
pt_BR
en_US pt_BR